ArtigosAtualidade

Atrair e Reter Talento: De que forma as organizações devem encarar a transformação tecnológica

A transformação digital está a mudar a forma como trabalhamos e vivemos, contudo ainda existem organizações comerciais e do setor público que optam por ignorar ou adiar as mudanças necessárias para uma transformação digital bem-sucedida. Infelizmente para muitos, o motivo é um grande medo da mudança e do desconhecido. Movemo-nos para um futuro digital, mas as novas gerações que entram para o mercado de trabalho nem se apercebem desta transformação pois o digital já faz parte da sua realidade e não é um conceito do futuro!

Maioria dos nossos novos talentos já são nativos digitais, estão constantemente conectados, e são estes hábitos digitais que obrigam a mudanças no local de trabalho. Por exemplo, estes usam a tecnologia praticamente desde que nasceram, a maioria da conhecida por Geração Z (nascidos de 1995 adiante) afirma preferir a interação digital à pessoal. Agora pense: A sua organização tem uma estratégia de comunicação preparada para estes colaboradores nativos digitais que se preparam para entrar no mercado de trabalho?

Trabalho: Medida na mesma unidade que a vida pessoal

De acordo com um estudo realizado pela PwC num período de 4 anos, 86 % da geração Millennial (nascidos entre 1980 – 1996) consideram despedir-se se valores do empregador deixarem de corresponderem com os seus. Os Millennials são conhecidos por terem consciência sobre as marcas, e essa afinidade vai além de marcas de lifestyle. O mesmo transpõe-se para o local de trabalho: Para os Millennials a empresa precisa de ser inovadora, moderna e vanguardista, ou seja, procuram um emprego do qual se orgulhem a ponto de postar nas suas redes sociais e do qual possam comentar com os amigos no Whatsapp.

Estas gerações mais novas, como os Millenials e a Geração Z, preferem trabalhar através de sistemas de cloud, que lhes permitam comunicar de forma simples e em tempo real. Estes querem passar menos tempo a usar aplicações consideradas “tradicionais” no mercado de trabalho como o e-mail e o voicemail, que são de suporte linear e que dificultam a comunicação em tempo real.

Para os Millennials o trabalho deve ser divertido, ter significado, e conseguir encaixar-se no seu lifestyle, porque este é considerado parte da sua identidade. Os Millennial são conhecidos por serem a geração que mais luta pela sua felicidade individual, e procuram que a empresa onde trabalham os faça sentir relevantes. Inseridos num mundo em que há um grande volume de feedback online e numa sociedade individualista, esta geração que está a entrar no mercado tem dificuldade em entregar-se no espírito corporativo: Eles necessitam de serem reconhecidos diariamente, quer na sua empresa quer no mundo digital.

Transformar a necessidade de se reinventar numa grande oportunidade

Um enorme desafio para uns, a necessidade de se reinventar pode ser uma grande oportunidade para outros. De acordo com alguns estudos, 96% dos líderes afirma que estas novas tecnologias, como os serviços de cloud, irão alterar as regras na esfera empresarial. Com esta redefinição das regras, as organizações mais pequenas e ágeis conseguem usar a sua flexibilidade de forma ativa para alcançar mais oportunidades de trabalho e democratizar a informação. Ser proactivo torna-se crítico porque este é um momento único para ultrapassar a quota de mercado partilhando, ou competindo com, organizações há muito estabelecidas do setor comercial e privado.

Este caminho para a transformação digital é inevitável, bem como as barreiras tecnológicas em breve serão superadas. Ideais divergentes, atitudes e modelos de lifestyle são largamente inspirados por esta Era digital que se vive. Neste mundo conectado, o local de trabalho e a vida privada interligam-se facilmente. O fluxo constante de informação resulta numa maior concorrência e ambição, e a globalização está a aumentar a flexibilidade em que se pode mudar e mover-se dramaticamente. Se a era digital está a mudar o mundo profissional como nenhuma outra era o fez. Pare para pensar se está pronto.

De forma a atrair e reter uma nova geração de trabalhadores, use estes tempos de mudança para aproveitar novas oportunidades e transformar sua empresa num espaço do qual os seus funcionários vão sentir orgulho e deixe-os moldar o futuro digital para a empresa. Ao contrário das gerações anteriores estes não querem apenas trabalhar para alguém, estes querem ser levados a sério e que trabalhem com eles. Invista na criação de circunstâncias que envolvam todos os funcionários na transformação da organização, dando a todos a oportunidade de aprender a usar e aplicar as novas tecnologias de forma bem-sucedida. As equipas tornar-se-ão mais motivadas e incluídas.

 

Autor:
Cesar Flores-Rodriguez
Chief Sales Officer (CSO) da NFON

 

 

Voltar à homepage

 

Mais notícias:

 

Facebook
image_pdfimage_print
Previous post

ARAGO Consulting marca presença no SAP NOW Lisboa

Next post

Blended Training Services junta-se ao maior concurso de empreendedorismo do país

Vanessa Henriques

Vanessa Henriques

Diretora Executiva da RHmagazine

No Comment

Deixar uma resposta