Groundforce regressa ao Aeroporto de Faro e cria 140 novos postos de trabalho

A Groundforce Portugal, empresa de assistência em escala a passageiros, operações em pista e carga aérea, que opera nos Aeroportos de Lisboa, Porto, Funchal e Porto Santo, retomou a sua operação no Aeroporto de Faro.

Para o início da operação, a Groundforce Portugal irá assegurar a assistência aos passageiros dos voos do Grupo IAG – British Airways, Iberia, BA City Flyer, Vueling e Aer Lingus, numa altura em que o sul do País regista um incremento substancial de turismo e que coincide com a inauguração do novo terminal do Aeroporto de Faro.

O regresso acontece sete anos depois de a Groundforce Portugal ter cancelado abruptamente a sua operação em Faro. Após um profundo processo de reestruturação e de desenvolvimento, iniciado com a chegada da equipa de gestão liderada por Alfredo Casimiro, em 2012, a Groundforce Portugal voltou aos resultados positivos devido ao empenho e dedicação de todos os colaboradores.

Para Paulo Neto Leite, Presidente Executivo da Groundforce Portugal “o regresso a Faro comprova a recuperação da empresa e a sua robustez. Temos uma estrutura sólida que nos permite voltar com confiança à operação e prestar um serviço de excelência similar ao que temos vindo a desenvolver nos Aeroportos de Lisboa, Porto, Funchal e Porto Santo. Esta operação vai gerar, a longo prazo, cerca de 140 novos empregos e criar novas oportunidades para algumas das pessoas que ficaram sem os seus postos de trabalho em 2010.”

Mais notícias do seu interesse:




Multipessoal procura 150 profissionais com atitude comercial

O Grupo Multipessoal acaba de lançar a segunda fase da campanha SWATT – Sales With Atitude Team, na qual pretende contratar 150 profissionais com atitude comercial para serem vendedores de um produto inovador. A Multipessoal procura candidatos orientados para o cliente, conhecimento da realidade da sua comunidade local e experiência comercial anterior.

A Multipessoal procura candidatos nas seguintes zonas geográficas: Grande Lisboa, Grande Porto, Viseu, Braga, Barcelos, Guimarães, Paredes, Paços de Ferreira, Lousada, Penafiel, Vila do Conde, Póvoa do Varzim, Santo Tirso, Coimbra, Santarém, Seixal, Setúbal, Litoral Alentejano, Évora, Beja, Portalegre, Lagos e Tavira.

“O perfil e a atitude comercial alinhados com a divulgação de um produto inovador, tem permitido aos atuais profissionais um rendimento elevado e acima do mercado para profissionais destas áreas” afirma Alexandre Gomes, Diretor no Grupo Multipessoal. “Depois de uma primeira fase em que conseguimos recrutar 180 profissionais para o nosso cliente procuramos agora mais 150” conclui.

As oportunidades existentes são a nível nacional e poderão ser consultadas e respondidas através deste link: http://www.multipessoal.pt/comunicacao/id-1127/swatt-sales-with-attitude-team.aspx

Mais notícias:




A Teleperformance em Portugal prevê contratar 1200 novos colaboradores até outubro de 2017

As contratações são para posições na área operacional e para as várias funções de gestão e suporte. Entre as línguas mais requisitadas está o português, o francês e o alemão, para as funções de Customer Service Representative, First Line Manager, Real Time Manager, Qualidade, Formação, área Financeira, Tecnologias de Informação e Recursos Humanos.

Depois de 2016 ter sido o ano de maior de crescimento da empresa, em 2017 a especialista mundial em Customer Experience Management prepara-se para abrir um novo escritório em Lisboa, onde serão integrados projetos multilingues para clientes dos setores de e-commerce, Turismo e Lazer, Gaming e Financial Services.

“Esta nova vaga de recrutamento, com especial destaque para as oportunidades em Português, Francês e Alemão,  está alinhada com o facto de termos vindo a conquistar muitos clientes internacionais que veêm na Teleperformance Portugal o parceiro certo para os ajudar gerir as suas operações globais de customer experience management.”,

Refere João Cardoso, CEO da Teleperformance em Portugal.

Com 8000 colaboradores de 82 nacionalidades, a empresa em Portugal tem sido consecutivamente considerada como uma das melhores empresas para trabalhar e um dos centros de excelência do Grupo Teleperformance.

Segundo Armindo Ribeiro, Chief Corporate Development Officer da Teleperformance em Portugal:

“a criação de postos de trabalho a um ritmo elevado é algo a que estamos muito habituados. No entanto, os desafios são imensos, especialmente tendo em conta o ambiente multicultural e multidisciplinar que respiramos todos os dias”. O responsável acrescenta, ainda, que “os últimos anos foram particularmente importantes no âmbito da criação de ferramentas de comunicação interna, formação, cultura corporativa e serviços de apoio capazes de responder às necessidades dos nossos 8.000 colaboradores.”

O reforço das equipas surge num momento em que Teleperformance acaba de investir numa solução de conversação baseada em inteligência artificial, que pretende dar apoio às funções desempenhadas por pessoas, contribuindo para um melhor serviço prestado ao cliente. Os Bots estão disponíveis em 35 idiomas, sendo o português uma das línguas selecionadas.

Outras notícias




easyJet anuncia o maior recrutamento de pilotos de sempre

A easyJet anunciou a 16 de maio que irá lançar uma campanha de recrutamento chamada “For the love of Flying” para atrair até 450 novos pilotos no início de junho.

Este será o maior recrutamento em massa na história da companhia – um aumento face ao recorde de 426 recrutados no ano passado. As oportunidades vão desde pilotos cadete a começar carreira, a co-pilotos com experiência, e comandantes de outras companhias e militares. Todos irão ter acesso a formação de alta qualidade e a um conjunto de oportunidades de desenvolvimento de carreira.

A easyJet emprega mais de 3.000 pilotos atualmente, que voam em mais de 265 aeronaves Airbus em cerca de 870 rotas e 31 países. Os novos recrutas irão juntar-se à companhia aérea num período entusiasmante de crescimento contínuo.

No próximo ano a easyJet irá criar novas posições para pilotos em todas as suas bases. No Reino Unido, serão em Londres Gatwick, Londres Luton, Londres Stansted, Londres Southend, Bristol, Newcastle, Glasgow, Edimburgo, Belfast, Manchester e Liverpool.

Cerca de 300 novos postos serão para pilotos cadete e haverá um foco particular no recrutamento de mais mulheres piloto como parte da iniciativa Amy Johnson da easyJet.

O Comandante Brian Tyrrel, responsável pelas Operações de voo da easyJet, disse:

“Estamos muito satisfeitos por abrir um processo de recrutamento para 450 novas posições de pilotos na easyJet nas próximas semanas. Na easyJet, orgulhamo-nos de ter uma equipa altamente talentosa e oferecemos aos nossos pilotos um percurso de carreira transparente, com oportunidade de desenvolvimento de First Officer a Comandante mais rápida que noutras companhias. Este é um período entusiasmante para entrar na easyJet, uma vez que continuamos a crescer e a desenvolver-nos de forma a manter a nossa posição como companhia aérea líder na Europa, e espero poder receber os candidatos escolhidos num futuro próximo.”

Os candidatos pode descobrir mais informação e concorrer aqui.

 

Outras notícias




Chega a Portugal a 1.ª edição da “Entrepreneurship School”

ThinkYoung, em colaboração com a Fundação Coca-Cola, deu início a 8 de maio, em Lisboa, à 1ª edição da “Entrepreneurship School” (Escola do Empreendedorismo) em Portugal, uma ação que decorre de 8 a 12 de maio e que visa fomentar o espírito empresarial dos jovens (entre os 18 e os 35 anos) que pretendem lançar as suas próprias iniciativas empresariais.

Contando já com 27 escolas em diferentes países, o projeto, de sucesso transversal, chega a Lisboa pela primeira vez. A “Entrepreneurship School” baseia-se em três valores base: o conhecimento, que permite aos jovens implementar as suas ideias; a motivação, para que os participantes possam começar a tomar iniciativas de empreendedorismo; e a diversão, que serve como catalisador para estimular à criação de redes de contactos entre futuros empresários.

Luca Selva, porta-voz da ThinkYoung, destaca:

“para Portugal, que tem demonstrado grande abertura ao mercado global e desenvolvido grandes iniciativas em tecnologia digital, investir na educação e motivar os talentos jovens, tanto em termos de empreendedorismo como de desenvolvimento de competências CTEM (Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática) e de programação, é importante para que estes se tornem competitivos na economia global”.

Tiago Santos Lima, External Affairs Manager da Coca-Cola, afirma que

“estas iniciativas estimulam o espírito empreendedor dos jovens portugueses e, por isso, estamos associados ao ThinkYoung, através da Fundação Coca-Cola. A partir de um outro projeto, o GIRA, conseguimos ajudar cerca de 3 mil jovens com menos possibilidades a encontrar oportunidades de emprego e, em conjunto com o ThinkYoung, pretendemos contribuir, não só para esta realidade, como dar-lhes as ferramentas necessárias para criarem o seu próprio sucesso”.

Durante esta semana, os jovens participantes nesta conferência terão a oportunidade de conhecer empresários de sucesso, ter acesso a um modelo de educação pouco convencional, assim como aprender sobre a criação e gestão de empresas. Do mesmo modo, podem ainda estar em contacto com possíveis parceiros de negócio e, desta maneira, expandir a sua rede de contactos.

Organizada pela ThinkYoung, a escola está centrada no desenvolvimento e criação de emprego para os jovens e, nesta edição em Lisboa, o foco estará no Digital&Tech e no importante papel das mulheres empresárias neste sector. Os oradores foram selecionados tendo em conta não só estes aspetos, como o seu percurso profissional e respetivo reconhecimento no mercado do empreendedorismo.

Na sessão de abertura, a “Entrepreneurship School” de Lisboa contou também com a presença do vice-presidente da Câmara da capital, Duarte Cordeiro e com Andrea Gerosa, fundador da Think Young.

Pode consultar o programa completo aqui.

 

Outras notícias




Grupo Mota-Engil quer captar talento jovem

O Grupo Mota-Engil está a lançar uma nova edição do seu Programa de Trainees – Start@ME.

Este ano o programa contará com a integração de mais de 100 jovens talentos, de diferentes nacionalidades, nas várias regiões onde o Grupo está presente.

O start@ME pretende acolher jovens talentos, em início de carreira profissional, promovendo o seu alinhamento com a cultura e valores do Grupo e a sua integração nos vários mercados e diferentes unidades de negócio, oferecendo assim a oportunidade de desenvolvimento de uma carreira num dos maiores e mais diversificados grupos empresariais portugueses, com uma forte componente internacional.

O contacto com os diferentes negócios, a aprendizagem de metodologias inovadoras, o networking com as pessoas chave, bem como o desenvolvimento de competências em contexto internacional farão parte do processo de formação e crescimento ao longo do estágio.

Para abraçar este desafio, o Grupo Mota-Engil está à procura de jovens finalistas ou recém-graduados, em várias áreas, com enfoque nas áreas de Engenharia com espírito crítico, abertura à aprendizagem, facilidade de adaptação e vontade de desenvolver uma carreira internacional.

Atualmente o processo de receção de candidaturas encontra-se em curso e estará aberto até Junho.

Os trainees que integrarem o Programa Start@ME iniciarão o seu percurso em Outubro.

Mais informações e candidaturas visite.

 

Outras notícias




Academia Olá arranca com 350 oportunidades de emprego

Olá anuncia a abertura de candidaturas para a quarta edição da Academia Olá, um programa de trabalho de verão dirigido a jovens dos 18 aos 25 anos, que este ano conta com um aumento de número de vagas, para 350.

De julho a setembro, jovens de todo o país vão ser novamente desafiados a integrar equipas de vendedores ambulantes da conhecida marca de gelados, numa experiência que combina formação especializada e uma experiência profissional remunerada, e ainda a possibilidade de receber um estágio na Unilever Jerónimo Martins.

O programa da Academia Olá foi especialmente concebido com a missão de dotar os jovens participantes de competências comportamentais, tais como liderança, automotivação, trabalho em equipa, criatividade, entre outras, e facilitar a sua inserção no mercado laboral.

“Este programa ajudou-me a crescer enquanto pessoa e a evoluir as minhas capacidades profissionais e a capacidade de comunicação. Além disso, foi bastante importante o espírito de equipa entre os vários participantes que me permitiu ainda conhecer pessoas novas e crescer com elas”

Afirma Rui Antunes, participante da Academia Olá em 2016.

Segundo Elena Durán, responsável pelo programa:

“A Academia Olá contribui para melhorar o processo de profissionalização dos jovens, cada vez mais necessário para entrar no mercado laboral. É uma grande satisfação comprovar que nas edições anteriores da Academia os participantes construíram o seu futuro profissional a partir desta experiência: nalguns jovens já influenciou a escolha do próprio curso superior e para muitos permitiu a abertura de novas portas no mercado de trabalho”.

A Academia Olá tem início com um programa de formação, onde os participantes começam por desenvolver competências de marketing e soft skills em sala de aula e a aprender a interagir diretamente com consumidores no terreno. De seguida, os participantes são alocados a um dos vários pontos de venda parceiros do programa, para espalhar sorrisos em praias, cidades, parques temáticos e jardins de norte a sul do país.

Ao longo dos 48 dias de trabalho, durante 30 horas semanais, os jovens são postos à prova em equipas, aplicando os conceitos aprendidos e utilizando estratégias criativas para conseguir vender o maior número de gelados e, simultaneamente, adquirir experiência útil para o seu futuro profissional. No final, as duas equipas vencedoras ganham um estágio remunerado de três meses na Unilever Jerónimo Martins.

Além da experiência e formação proporcionada na Academia Olá, os participantes recebem uma remuneração que varia entre os 811 e os 1483 euros, de acordo com o cumprimento de objetivos de vendas.

A Academia Olá foi criada em 2014 e faz parte de SOU OLÁ, um programa de sustentabilidade da Unilever Jerónimo Martins que visa ajudar a integrar os portugueses no mercado laboral e a combater o desemprego no país.

“O sucesso da Academia Olá está essencialmente relacionado com a quantidade de jovens que conseguiram adquirir um conjunto de competências úteis para o seu futuro pessoal e profissional. Como tal, um dos nossos maiores objetivos é chegar aos jovens de tudo o pais, proporcionando oportunidades de emprego também a pessoas que vivem fora dos centros urbanos. Em 2017 conseguimos aumentar em 75% o número de vagas, pelo que podemos proporcionar oportunidade a mais de 350 jovens em Portugal”

Acrescenta Elena Durán.

A edição de 2017 da Academia Olá acontece nos dias 6 de julho a 3 de setembro. As candidaturas encontram-se abertas até dia 31 de maio. Para submeter a candidatura basta ir aqui .

Outras notícias




73% das empresas já contratou através das redes sociais

A Michael Page, lança o Guia Rápido de Gestão da Reputação Online, uma ferramenta gratuita para ajudar os profissionais a gerirem e melhorarem a sua marca pessoal nas redes sociais.

 

A “explosão” das redes sociais está a impactar fortemente o mercado laboral, que cada vez mais recorre às mesmas como ferramenta adicional no momento de recrutar talento. Atualmente, 14,4 milhões de pessoas recorrem às redes sociais para procurar oportunidades e 58% dos profissionais segue as empresas nas quais quer trabalhar. Cada vez menos indiferentes a esta realidade, 73% das empresas já contratou através das redes sociais.

Joana Barros, Senior Marketing Coordinator da Michael Page, alerta que:

“não nos podemos esquecer que o que colocamos na internet se torna automaticamente público e “eterno”. Os comentários pessoais devem ser bem escolhidos pois podem beneficiar ou prejudicar a sua imagem. Trata-se simplesmente de pensar que o seu perfil nas redes sociais pode ser visto por recrutadores e há que ter cuidado com as opiniões em público”.

O Guia Rápido de Gestão da Reputação Online da Michael Page foi criado para ajudar os profissionais a aprenderem a gerir a sua presença online e a criarem uma marca pessoal que lhes permita aumentar a sua rede profissional, atrair novas oportunidades, tornar-se um influenciador na sua área e ganhar reconhecimento no seu setor.

Traduzindo-se num minisite, o Guia Rápido de Gestão da Reputação Online da Michael Page oferece uma rápida e clara explicação sobre marca pessoal e redes sociais, a visibilidade a que estão sujeitos os perfis online e sua influência.

#Dica

Alguns dos conselhos partilhados pela Michael Page:

  • Complete todos os campos do seu perfil.
  • Pesquise o seu nome nos motores de busca e redes sociais.
  • Seja consistente em todos os seus perfis.
  • Utilize imagens para tornar a sua presença nas redes sociais mais dinâmica.
  • Se necessário, apague conteúdos menos favoráveis ou com os quais já não se identifica.
  • Integre grupos do seu setor.

 

Para consultar o Guia Rápido de Gestão da Reputação Online, visite o minisite.

 

Outras notícias

 




Open day para a aviação proporciona centenas de vagas de emprego

O Evento SLOT OPEN DAY irá proporcionar a todos os candidatos que o visitem, a possibilidade de se candidatarem a centenas de vagas existentes para Companhias Aéreas na Alemanha e Polónia.

O SLOT OPEN DAY é a primeira etapa. Já no dia 6 de maio!

O evento é aberto ao público em geral.

Neste dia, os candidatos assistem uma apresentação sobre o País de cada oferta, contrato de trabalho, além da oportunidade para esclarecer quaisquer dúvidas.

Num segundo momento, nesse mesmo dia, ocorrerá uma prova escrita de redação em inglês, além de uma breve entrevista individual com a entrega de currículos e fotos.

Requisitos para participar do Open Day:

  • idade mínima de 18 anos;
  • Altura suficiente para alcançar uma altura de 1,66 cm na ponta nos pés (sem sapatos) – para as vagas de Tripulantes;
  • boas condições físicas;
  • inglês fluente e Alemão ( preferencial)
  • disponibilidade de residir na Alemanha ou Polónia;

Aprovado no Open Day, o candidato seguirá para uma segunda e terceira etapa do processo seletivo, ambas realizadas pela Aviation Power com o apoio da SLOT

São cerca de 200 vagas, para várias posições na Aviação.

Para mais informações veja o evento.

 

Outras notícias




Contratos sem termo são regra no Lidl em Portugal

Desde o início de abril todos os novos contratos de trabalho no Lidl Portugal são sem termo. A empresa, que criará cerca de 850 novos postos de trabalho ao longo de 2017 aposta, através desta medida de reforço da estabilidade, mais uma vez, no desenvolvimento das condições de trabalho dos seus colaboradores.

Para o Lidl a aposta no estabelecimento de vínculos laborais e de relações profissionais estáveis funciona como acelerador do negócio e da sua competitividade. Os colaboradores têm voz, são também responsáveis pelo sucesso da empresa, percorrendo um caminho de desenvolvimento pessoal e profissional num ambiente internacional, diverso e com novos desafios todos os dias.

Em Portugal há 22 anos e atualmente com mais de 5.800 trabalhadores, o Lidl Portugal tem vindo a desenvolver um conjunto de medidas que privilegiam a valorização e o compromisso com os colaboradores, apostando na retenção de talento, na formação e no desenvolvimento de carreiras, a par da criação de condições de trabalho de excelência.

Reconhecendo que a estabilidade e as condições de trabalho dos colaboradores não são um custo, mas sim um investimento na sustentabilidade do negócio, o Lidl Portugal anuncia que desde o início de abril, todos os novos contratos de trabalho são sem termo. Os colaboradores com contrato a termo só existirão em situações pontuais, como a substituição devido a ausência prolongada ou reforço em picos de trabalho sazonais.

Com esta medida o Lidl Portugal reforça a sua estratégia global de captar e reter o melhor talento, desenvolvendo colaboradores empenhados, motivados e valorizados.

Outras notícias