ArtigosRecrutamento e seleção

Como o Social Media pode potenciar os seus resultados de recrutamento?


Rui Guedes de Quinhones
CEO & Founder da Get the Job

Estamos actualmente a recrutar para uma prestigiada empresa nossa cliente, líder no seu sector de atividade.

Reconhece esta frase? Foi copiada aleatoriamente de uma das dezenas de ofertas de emprego disponíveis na internet e que começam sempre desta forma.
O que é que acrescentam? Qual o seu valor para os candidatos? O que valem estes 87 caracteres? Rigorosamente nada para quem os lê e para si, que pretendia recrutar, limitaram-se a ocupar um espaço precioso que hoje não pode desperdiçar.

A importância do conteúdo, da forma como redige e comunica, tem que mudar ou corre o risco de ver as suas ofertas de emprego perdidas entre centenas de anúncios. Numa época em que todos escrevem em regra mal, aqueles que se destaquem pela forma humana e apelativa como se dirigem aos outros, ganham uma projeção mediática no universo digital que lhe confere credibilidade, genuinidade e atenção.

Não se iluda com a aparente facilidade do social media (já nem entramos pelos mundos complexos do adwords, dos anúncios de search ou display): a identificação dos canais digitais mais adequados para o seu público-alvo (sim, é verdade que o recrutamento, tal como o marketing, define personas), os melhores momentos para comunicar, os suportes que farão de si algo a que dar atenção, devem ser cuidadosamente seleccionados e orientados em redor de uma estratégia.

Tal como a frase que acima identificámos, a colocação de fotografias com as dimensões desadequadas em que aparentemente o fotógrafo cortou a cabeça do modelo, a ausência de accionabilidade (clico na foto e nada aconteçe) ou a colocação de um endereço de email que ninguém vai decorar porque viu o seu anúncio a sair do Metro ou no intervalo do almoço, são erros demasiadamente comuns e vulgares.

Mas não se renda a esta fatalidade. Se existe alguém capaz de compreender como funcionam as Pessoas, são exactamente os profissionais que gerem Pessoas todos os dias.

Descubra como desenhar uma estratégia de recrutamento digital, como implementar uma campanha e quais as vantagens de uma landing page. Utilize o poder do social media a seu favor, com propósito e valor.

Não escreva para si mas para os outros, rasgue as job descriptions similares e listas de supermercado e crie as suas, para as suas pessoas. E vença a batalha pela captura do Talento.

Saiba como usar as redes sociais para recrutar melhor, inscrevendo-se na formação Recruitment Marketing: o poder do social media no recrutamento, agendada para o dia 21 de junho, em Lisboa, dinamizada por Rui Guedes de Quinhones e João Batista, da Get the Job.

Mais informações e inscrições: www.formacao.iirh.pt

imprimir

Previous post

ARGUS estabelece parceria com WIL Group

Next post

João Nuno Bento é o novo CEO da Novabase

IIRH

IIRH

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *