AtualidadeCarreiraProdutividade

Impacto da comunicação interna na política de recursos humanos

image_pdfimage_print

A comunicação interna tem papel fundamental na área de recursos humanos das organizações, ambas devem andar juntas para o bom entendimento das estratégias da empresa.

Autor : Jéssica G. Santin – Assistente de recursos humanos no Brasil.

A comunicação interna tem como ideias chave: ouvir, informar, apoiar e envolver todos da organização desde a diretoria até a fábrica. Pois uma comunicação eficaz não pode se deter apenas aos setores de gerência, todos devem saber o que a empresa deseja e onde quer chegar. O trabalho coletivo ou em grupos é muito importante nestes momentos.

Um fator que enriquece em muito a comunicação interna nas organizações é a valorização da contribuição dos funcionários nas tomadas de decisão e gestão da empresa.

Alguns pontos relevantes na comunicação interna eficaz:

  • Ouvir os colaboradores: uma relação boa é uma relação de confiança. Para isso o primeiro passo é ouvir os colaboradores.
  • Informar os colaboradores: é importante que os colaboradores conheçam as linhas diretoras da empresa, os objetivos, a missão, a visão e que, para, além disso, sintam que são ouvidos nas questões importantes.
  • Dar competências para o futuro/ potenciar o crescimento: é importante que a empresa desenvolva um plano de formação que contemple o desenvolvimento das competências pessoais, válidas em qualquer contexto, e o enriquecimento do colaborador, que possa representar um valor a mais em outro contexto de trabalho com que se venha a confrontar.

Os benefícios da boa comunicação interna são vários, podemos citar alguns como: do ponto de vista de recrutamento, uma empresa com boa imagem interna e externa e uma reputação no que toca à forma como trata os seus colaboradores terá necessariamente mais facilidade em recrutar pessoas bem qualificadas para os lugares que tenha disponíveis. A rotatividade dos colaboradores será também menor, ou seja, a empresa terá menos custos de formação. Outro aspecto de que este posicionamento leva a uma redução de custos é a saúde.

A empresa ganha, ainda, a satisfação dos seus clientes, porque a imagem transmitida pelos colaboradores é mais positiva, a sua produtividade é maior e o que produzem tem uma qualidade superior.

Um lado da comunicação que a torna deficitária é o fato de muitas vezes não ter ninguém que queira realmente se responsabilizar por essa área ou assumir o repasse correto das informações.

Artigo retirado do site.

Outras notícias

Previous post

Group Solutions é vencedora na Conferência Anual da APCC

Next post

Portugal no top 10 das melhores cidades para se ser freelancer

Gonçalo Amorim

Gonçalo Amorim

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *