AtualidadeEmpresasFormação e coaching

THINK & ACT BIG

A Solfut I HAVE THE POWER, que está a assinalar 20 anos de actividade, integra o ranking das empresas Felizes 2017 pelo terceiro ano consecutivo – ocupando o 5º lugar. Adelino Cunha é o único português a integrar o Top 100 World Best Coaching Leaders. A cidade onde são feitos os sonhos será o palco inspirador da 32ª Convenção I HAVE THE POWER, dedicada ao tema THINK&ACT BIG, entre 3 e 8 de outubro.
Para mais informações clique aqui.

ARTIGO: THINK & ACT BIG

Recentemente, ao ler o prefácio de um dos livros sobre a Google um dos fundadores referia que a coisa que mais o impressiona é o facto de haver tantas pessoas que têm dificuldade em pensar grande. Esta forma de pensar pequeno, pelos vistos, não é exclusiva dos portugueses embora, dada a nossa proximidade, quando é connosco ou com alguém próximo de nós sentimo-la com maior intensidade. A lógica do coitadinho, do pequenino, do indefeso, da vítima, surge em muitos momentos da nossa vida. Escutamos de políticos, de professores, de empresários, de estudantes, de treinadores, de atletas, e, de vez em quando, lá aparece alguém que rompe com estas barreiras mentais e projeta novos paradigmas, puxando-nos para níveis superiores de desempenho e mostrando que há portugueses que pensam maior e mais longe, quebrando com resultados as opiniões de tantos velhos do Restelo que continuam a existir nas nossas vidas.

Esta atitude de pensar e agir em grande é algo que podemos treinar e desenvolver. Aqui no I HAVE THE POWER fazêmo-lo em contínuo, através dos objetivos que lançamos e dos desafios com os quais provocamos a nossa equipa e os nossos clientes. E isso leva-nos a contribuir para melhorar notas de alunos, filhos de clientes; a “termos” jovens que são os melhores e que chegaram ao MIT e a HARVARD, sendo dos melhores nas suas áreas a nível mundial; a termos treinadores e atletas campeões – e nunca se viram tantas vitórias desportivas como nos tempos mais recentes, porque essa atitude se começa a generalizar. Sente-se nas pessoas, nos líderes e nas empresas.

Esta atitude tem de ser estimulada e mantida ao longo do tempo. A nossa equipa já foi desafiada a estar em eventos e formação em Londres, Madrid, Barcelona, Orlando, e eu desafio-me todos os anos a estudar em locais que puxem por mim e me ajudem a ir mais longe, a conhecer novas realidades e pessoas que me levem para um novo patamar. Já aprendi com Paul McKenna, Anthony Robbins, Zig Ziglar, Robert Kiyosaki, John La Valle, com quem voltaremos a estar, e desta vez com clientes e consultores, em outubro em Nova Iorque, exatamente para podermos melhorar esta competência de sonhar, trabalhar e concretizar mais e melhor e assim melhorar o mundo.

Aproveite as suas férias ou o regresso de férias e faça algo que seja desafiante. Algo como assistir a espetáculos que obriguem a deslocar-se, passar férias em locais diferentes e melhores, faça uma viagem mais longa para um local melhor, fique num hotel de nível superior, vá passar uma noite a um hotel de charme, comemore de forma sublime o aniversário de casamento, vista-se de forma excelente, alugue uma limousine e ofereça essa experiência à sua família, enfim, há tantas formas de se treinar para expandir as suas capacidades, a sua visão e, dessa forma, pensar e agir em grande, que não há razões que impeçam uma pessoa de melhorar algo e de expandir os seus sonhos e as suas ações.

O mundo precisa que as boas pessoas sejam mais ambiciosas para que a melhoria ocorra mais rapidamente. Pense maior e aja em conformidade.

 

POR: Adelino Cunha – CEO Solfut I have The Power

 

Mais notícias:

Previous post

Dicas de Regresso ao Trabalho, depois das férias

Next post

Gerd Leonhard, Future Strategist e CEO da The Futures Agency - "Os clientes não compram tecnologia, compram relacionamentos! Devemos abraçar a tecnologia, mas não ficar refém dela."

Vanessa Henriques

Vanessa Henriques

Diretora Executiva da RHmagazine

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *